(Nota do Editor: Esta entrevista ocorreu em fevereiro de 2022)

Adam Levy é bem conhecido pelos mais antigos. Durante a Black Friday, ele foi considerado um dos jogadores de torneios mais fortes do mundo. No entanto, Adam não conseguiu acompanhar o progresso do poker e hoje investe em criptomoedas. Agora, seu principal hobby são as NFTs.

– Olá, Adam. Você está em Los Angeles agora?

– Sim, gosto de tudo aqui. Mas Nova Iorque, onde nasci, também é uma grande cidade.

– Você volta lá com frequência?

– Eu gostaria de fazer isso com mais frequência. A última vez que fui foi para uma conferência NFT, em outubro.

– Poderia nos dar alguma dica da área?

– Não dou conselhos financeiros, mas agora estou totalmente interessado no CloneX. Estou neste projeto desde o início. Também estou ativamente envolvido no desenvolvimento do LionSharePoker, estamos tentando combinar NFTs e pokee, realizando torneios com comunicação de voz no Discord e treinando iniciantes. A comunidade é pequena, mas muito simpática e divertida. Não me considero um especialista em NFT, mas sim um fish, mas este tema é muito interessante para mim, principalmente quando pode ser combinado com poker ou outras áreas.

– Agora você só está fazendo isso, não joga mais poker profissionalmente?

– Você não vai acreditar, mas eu estava em um emprego comum. Pedi demissão na semana passada do cargo de analista da Apruvd. Consegui um emprego com eles em plena pandemia e gostei muito de tudo. Fui jogador de poker toda a minha vida, depois fiz uma longa pausa e, logo no início da pandemia, tentei regressar. Joguei por alguns meses, breakeven, em vários sites americanos, mas comecei a me cansar rapidamente. Eu me perguntei: “O que você está fazendo? Tem certeza de que quer isso? Meu amor pelo jogo não foi embora, mas não queria que voltasse a ser minha atividade principal. Às vezes, jogo grandes séries online no GGPoker, PokerStars e ACR e o Main Event da WSOP, nada mais. Agora estou novamente numa encruzilhada, me perguntando o que fazer a seguir. Eu nem sei o que quero me tornar, provavelmente um consultor de NFT.

Classificação dos jogadores
4.2
Jogadores online
1,000
Bônus de depósito
100% até $2,000
Cliente Mobile
Softwares auxiliares
Outros
Jogadores amadores dos EUA
Rake races regulares
Bônus do GipsyTeam
Ajuda com saques e depósitos
Bônus para jogadores ativos
Classificação dos jogadores
4.5
Jogadores online
1,000
Bônus de depósito
100% até $2,000
Cliente Mobile
Softwares auxiliares
Outros
Jogadores amadores dos EUA
Rake races regulares
Bônus do GipsyTeam
Ajuda com saques e depósitos
Bônus para jogadores ativos
Código promocional GT
Cadastro
Classificação dos jogadores
4.9
Jogadores online
3,500
Bônus de depósito
100% até $600
Cliente Mobile
Softwares auxiliares
Outros
Rakeback alto
Rankings diários
Satélites para séries de torneios em todo o mundo
Bônus do GipsyTeam
Acesso a promoções exclusivas
Pagamentos adicionais para jogadores ativos

– Em 2019 você ainda estava bastante ativo jogando poker, em 2020, claro, não teve jogo em lugar nenhum, mas você jogou a última World Series?

– Joguei vários torneios mas não ganhei nenhum dinheiro. Foi uma pena ter sido eliminado do main na última mão do primeiro dia.

– Uma mão digna de nota?

– Nada de especial, no flop com um rei fui all-in com e encontrei Ases.

– Não poderíamos deixar de perguntar sobre Phil Hellmuth e seu famoso “Idiota do Norte da Europa”.

– Não tenho nada a ver com esta mão, embora estivesse naquela mesa.

– Isso mesmo, houver duas mãos famosas de Phil na sua mesa. Você é o cara do “querida, ele pagou meu aumento com QT”.

– Sim, e tudo isso aconteceu no mesmo dia.

– A famosa eliminação do JRB também aconteceu diante dos seus olhos?

– Sim, na mesma mesa. Essa mão é na verdade a minha favorita da história. Aconteceu cerca de uma hora antes daquela com Hellmuth. No dia 4 do Main Event de 2008, um russo [Sarkis Akopyan] aumentou com T9o, JRB deu all-in de 20 blinds com AQ e, por alguma razão, esse cara decidiu dar call, haha.

É incrível que tantos anos se passaram e as pessoas ainda se lembrem muito bem daquelas mãos. Então eles se lembraram de mim como “o cara do QT”.

– Phil não estava fingindo, ele ficou realmente chocado que alguém pagou seu raise com tal mão.

– Eu estava no botão. Ele abriu 100BB deep e eu paguei, haha. Naquela época isso não era algo comum ao vivo. mas, na realidade, foi uma jogada bastante normal.

– Naqueles anos, você era considerado um dos melhores do online e provavelmente estava dois níveis acima das estrelas ao vivo. Mas você nunca gravou vídeos de treinamento ou colaborou com sites como o CardRunners. Como você estudava o jogo?

– No poker, devo quase tudo ao Chad “lilholdem954” Batista. Nos conhecemos em 2005. Naquela época, eu já jogava poker há um ano e estava pensando em desistir porque nada estava dando certo. Naquela época, não havia nenhum material, como CardRunners, nós descobrimos tudo sozinhos. Lilholdem parecia um cara que acabara de sair de uma colônia infantil, onde foi condenado por algum crime grave. E eu era um menino judeu ingênuo e tímido, mas por algum motivo nos tornamos amigos e trabalhávamos juntos o dia todo. Acontece que com algumas pessoas você imediatamente sente uma conexão especial, na minha vida Chad acabou sendo uma pessoa assim. Lembro-me que em 2005, ele e eu criamos uma estratégia inovadora – às vezes pagando com ases pré-flop. Eles escreveram sobre isso no fórum e então recebi uma mensagem privada: “O que você está fazendo? Não conte a ninguém sobre isso." Então todos abriam 3x e nós fazíamos 2,2-2,5x. Agora tudo isso parece muito primitivo, mas naqueles anos parecia algo revolucionário. E chegamos a este ponto sem programas, aparentemente, mas o jogo foi ficando cada vez mais difícil, não consegui lidar com meu ego e aos poucos fui ficando para trás no field.

– Chad era uma verdadeira lenda online, seu estilo hiperagressivo impressionava até para sua época. Provavelmente, ele pode ser considerado um dos representantes mais proeminentes daquele tempo.

– Sem dúvida. E ele tinha um asensibilidade absolutamente incrível. Ele poderia dar um call absolutamente terrível com A4o de 40BB, mas que acabava sendo correto naquela situação em particular.

– Você aprendeu tudo com ele?

– Não, eu era muito tight para isso. Antes de 2008, eu tinha medo de fazer 3-bet light. Mas mesmo o poker sólido me rendeu muito dinheiro. E Chad foi realmente um verdadeiro revolucionário, ele se tornou o primeiro dar 4-bet-light pré-flop e assim por diante. Tínhamos estilos completamente opostos, mas tínhamos muito em comum. Em geral, tivemos uma boa compreensão dos conceitos básicos do poker.

– Recebemos diversas perguntas no Twitter. Algumas são como algum tipo de piada interna. Talvez você aprecie o humor. Por exemplo, eles perguntam se você pode nomear todos os vencedores dos eventos principais do WSOP desde 2005.

– Sim, estes são meus amigos do LionSharepoker. Certa vez me fizeram essa pergunta em nosso discord, e então se tornou um meme local. Mas posso facilmente citar todos os campeões antes de 2010. Naquele ano fiquei em 12º lugar, e o futuro vencedor, Duhamel, me nocauteou. É difícil descrever a decepção de tal resultado.

– Esta não é a sua única deep run no Main, certo?

– Em 2008, quando foram jogadas essas mesmas mãos com QT e JRB, fiquei em 48º. E em 2018, fiquei entre os 200 primeiros. O Main Event da WSOP é de longe o melhor torneio do planeta; não há nada nem perto. Como já disse, o meu interesse pelo poker desapareceu, mas tento não perder esse torneio.

– Eles pedem que você me conte sua lembrança mais desagradável relacionada ao poker.

– Claro, foi quando fui eliminado em 12º lugar no Main Event, embora ironicamente este seja o melhor resultado ao vivo de toda a minha carreira. Recebi mais $600 mil, mas parei a um passo do verdadeiro sucesso e experimentei sentimentos muito conflitantes.

Mas há algo mais. Há muitos anos cheguei ao top 100 do Main Event do LAPC. Naquela altura eu ainda não tinha entendido completamente a estratégia de 4-bet; ela me causava um desconforto terrível. Havia um regular muito forte no Full Tilt, Tim "begsclutch" Begley, que. numa mão. fez uma pequena 3-bet contra mim. Conversamos um pouco antes, mas eu não sabia que esse era o primeiro grande torneio dele. Eu me convenci que ela era um jogador muito agressivo e contra ele seria uma boa ideia irl all-in de 50BB com T8o. 40 pessoas antes do ITM! Ele pensou por muito tempo, mas ainda assim deu call com , haha. Não só me senti péssimo por jogar assim, mas também tive que dirigir para casa em Los Angeles na hora do rush.

Também me lembro de como caí no Main Event do FTOPS em 15º lugar e me enrolei no sofá em posição fetal. Eram 5 da manhã e não havia ninguém por perto... O poker faz coisas estranhas em nossos cérebros.

– Ganhei um torneio FTOPS de $2.500 e, na sessão seguinte de outro torneio, fui atropelado e fui eliminado em 12º lugar [um dos co-apresentadores do podcast é o ex-regular online do MTT Jake Thule ] . Eu estava tão tiltado que não terminei a sessão de domingo, apesar de ter feito várias deep runs em torneios caros, e dei o computador para um amigo que mal conhecia as regras.

– Sim, alguns monitores se quebraram diante dos meus olhos. Eu nunca sofri com isso, mas para Chad era completamente comum.

– Isto é o que torna o poker único. Onde mais uma carta pode literalmente mudar a vida de uma pessoa?

– Concordo. Algumas pessoas têm a sorte de nascer resistentes às mudanças psicológicas, mas tive que trabalhar muito nesse aspecto.

– Lembra de Mark Newhouse, que foi eliminado do Main Event na 9ª colocação por dois anos consecutivos? Ele ganhou $1,5 milhão nesses torneios, mas os primeiros lugares receberam $10 milhões. Ele nunca se recuperou de tal golpe, faliu e até se endividou. Agora ele parece estar bem. Isto provavelmente pode ser comparado ao que acontece com os ganhadores da loteria.

Em novembro de 2020, The Daily Tar Heel, um pequeno jornal estudantil, publicou um artigo falando sobre os altos e baixos da carreira do jogador que alcançou o maior feito da história recente do poker.

Leia

– Imediatamente após a Black Friday cheguei à mesa final, mas não entendia nada de poker [Ed. esta história foi contada por outro apresentador, Adam Smith]. Eu nem entendia as posições, só conhecia as regras gerais. Comecei a final como chip leader e fui eliminado em 7º lugar. Se ganhasse, eu receberia $50 mil. Já sonhei que, se ganhasse, largaria o emprego e me mudaria para o México para trabalhar online. Esta seria a pior decisão da minha vida. A única coisa provavelmente pior é que não comprei Bitcoin em 2013.

– Todo mundo tem histórias semelhantes. Eu estava liderando o Evento Principal do WSOPC em 2014, com duas mesas restando, mas fui eliminado em oitavo e recebi $30 mil [Ed. o terceiro co-apresentador do podcast é Ben Mintz]. O campeão levou mais $200 mil e eu definitivamente não estava pronto para essa quantia naquele momento. Mas agora trabalho para Dave Portnoy [multimilionário e fundador do site Barstool Sports ].

-- Estou começando a pensar que deveria tratar meu 12º lugar da mesma forma. Se eu tivesse ganhado o principal, provavelmente nunca teria me interessado por NFTs.

– Quais são seus planos para o poker?

– Adoro as grandes séries, mas tenho que ir ao México jogar contra eles, então perdi os últimos por causa do trabalho. Mas provavelmente vou me preparar para os próximos. Às vezes, jogo em jogos fechados. Lembra da história com Paul Pierce?

– Você estava naquele jogo?

– Eu não estava na mesa naquele dia específico, mas Paul e eu tínhamos jogado na mesma casa algumas semanas antes.

– Finalmente, dê alguns conselhos de poker para iniciantes.

– Se você quer ganhar dinheiro jogando poker, aprenda a desistir com mais frequência do que gostaria.