Mike Brady: Bem-vindo ao nosso programa que ajuda você a se tornar um melhor jogador de poker. Meu nome é Mike Brady, e nosso convidado é o três vezes vencedor de bracelete da World Series e um dos jogadores de heads-up mais condecorados da história do poker, Doug Polk.

Doug Polk: Obrigado por me receber! É bom finalmente estar no podcast. Espero poder ajudar os ouvintes a entender o jogo heads-up.

MB: Em HUNL o jogo é rápido e tem muita ação. Para maximizar a taxa de vitória, você precisa jogar de forma solta e agressiva, mas a agressão deve ser direcionada para que não comecemos a dar dinheiro aos nossos oponentes. Independentemente de você jogar heads-up ou não, nossa conversa hoje vai melhorar seu entendimento do poker em geral.

Um ótimo exemplo disso é o próprio Doug, que teve grande sucesso em outros formatos de Hold'em, mas seu entendimento do jogo é construído quase inteiramente em sua habilidade de jogar heads-up. Vale também lembrar de Dan Ott: ele comprou o primeiro curso do Doug em 2017 e ganhou $4.7 milhões no evento principal da World Series. Ele afirmou que não teria chegado tão longe se não fosse pelas ideias daquele curso.

Doug e seu treinador de heads-up de longa data, Fabian Adler, acabaram de lançar um novo curso, o End Boss System. Pode falar para nossos ouvintes sobre isso?

DP: Nós gravamos em alguns meses e colocamos todos os conceitos que aprendemos nos últimos anos em um formato fácil de usar para que qualquer um possa aprender a jogar HUNL em um nível absolutamente superior.

Há muitos anos, quando eu estava me tornando um dos melhores jogadores do mundo, ninguém sabia as respostas para muitas das perguntas complexas na teoria do poker. Graças ao desenvolvimento de softwares, essas respostas apareceram hoje. A duração total do nosso curso é de aproximadamente 50 horas, incluindo materiais adicionais sobre jogar com um stack grande.

MB: Bem, vamos começar com o básico. Minha primeira pergunta é sobre estratégia pré-flop, primeiro no botão, depois no big blind. Existem apenas duas posições, então não deve ser difícil descobrir toda a árvore. Depois, passaremos para o jogo pós-flop. Vamos lá!

Digamos que estamos jogando heads-up com um stack efetivo de 100 big blinds. Qual deve ser a estratégia do botão?

DP: O range de abertura ótimo do small blind é de 84% das mãos. Alguns abrem um pouco mais, outros um pouco menos. De qualquer forma, você terá que jogar todos os pares e todas as mãos suited. Você pode pensar em foldar com lixo offsuit como , . A linha de corte passa aproximadamente por , , . Todos os dois offsuit de e abaixo você pode descartar. Alguns dos três offsuit também. Quase todo o resto já é mais ou menos jogável.

Em stacks de 100bb, o tamanho de raise ótimo é de 2.25bb. À medida que os stacks aumentam, o tamanho também deve aumentar.

MB: Então o ajuste para stacks maiores é um leve aumento no tamanho do raise inicial. Um stack grande afeta a escolha de mãos iniciais, ou o range permanece mais ou menos o mesmo?

DP: Há um par de ajustes menores, mas o mais importante é aumentar o tamanho. Podemos adicionar algumas combinações já que com o aumento dos stacks fica mais difícil para o big blind combater nossos raises. Mas você não precisa fazer isso e continuar a jogar as mesmas 84% das mãos; a perda de EV é tão insignificantes que você não notará. Portanto, eu recomendo que quase todos os jogadores mantenham o range padrão de 100bb e apenas mudem o tamanho do raise.

MB: Quando você jogou a partida contra Daniel Negreanu, notei que você aumentou o tamanho do seu raise em stacks maiores enquanto estava em posição, mas diminuiu o tamanho do seu 3-bet quando estava fora de posição. Você pode explicar o conceito por trás dessa decisão?

Classificação dos jogadores
4.6
Jogadores online
2,400
Bônus de depósito
100% até $1,000
Cliente Mobile
Softwares auxiliares
Outros
Rake races regulares
Overlays em torneios
Jogue com americanos
Bônus do GipsyTeam
Pagamentos adicionais para jogadores ativos
Classificação dos jogadores
4.4
Jogadores online
3,000
Bônus de depósito
100% até €250
Cliente Mobile
Softwares auxiliares
Outros
Adversários da França
Grande seleção de jogos Spin&Go
Bônus do GipsyTeam
Suporte na resolução de quaisquer problemas com o site
Classificação dos jogadores
4.2
Jogadores online
1,000
Bônus de depósito
100% até $2 000
Cliente Mobile
Softwares auxiliares
Outros
Jogadores amadores dos EUA
Rake races regulares
Bônus do GipsyTeam
Ajuda com saques e depósitos
Bônus para jogadores ativos

DP: Ótima pergunta! Na minha opinião, muitos jogadores entendem isso incorretamente. Por muitos anos, a visão predominante entre os regulares era que, ao jogar deep out of position, você deveria fazer 3-bet maior e com um range mais apertado para prejudicar as pot odds do seu oponente e, assim, tornar mais difícil para ele pagar com suited connectors, offsuit broadways e até pequenos pares. Com o advento dos solvers, ficou claro que essa estratégia era fundamentalmente falha. O fato é que, à medida que a profundidade dos stacks aumenta, o jogador em posição sempre começa a ganhar mais potes. Portanto, é mais lucrativo para um jogador em posição aumentar mais, e o jogador fora de posição aumentar menos.

Há mais um ponto importante que gostaria de abordar. Já disse que você precisa aumentar o tamanho do seu open raise, mas o mesmo vale para o tamanho da sua 4-bet. Com uma profundidade de 100bb, geralmente ficamos felizes com uma 4-bet de cerca de 2.7x. Essencialmente, este é o tamanho com o qual podemos nos dar ao luxo de fazer 4-bet-fold. À medida que a profundidade aumenta, a 4-bet pode subir para 3x (três vezes a 3-bet). Portanto, ajustes de tamanho baseados em posição funcionam para open raises, 3-bet, 4-bet e até 5-bet quando os stacks ficam particularmente deep.

MB: Tenho medo até de pensar em jogar com stacks tão grandes. Ok, vamos agora para a estratégia do big blind em resposta a um raise. Digamos que o botão, como você aconselha, abriu com o tamanho ótimo de 2.25 bb. Como devemos responder?

DP: Contra tamanhos pequenos, devemos defender mais amplamente, contra tamanhos maiores, mais estreitamente, essa é a teoria básica. Contra 2.25bb, nosso range de defesa é bastante amplo e cobre cerca de 70-75% das mãos. No entanto, raramente encontro raises de 2.25bb porque jogo ao vivo, onde todo mundo aumenta 2.5bb. É por isso que não estudo sobre os ranges para 2.25bb há muito tempo.

Quanto ao range de 3-bet, permanece praticamente o mesmo para qualquer tamanho.

MB: Ok. Vamos nos ater ao open de 2.5bb, já que você se lembra melhor. Quais mãos estão no seu range de 3-bet?

DP: Pares médios e altos sempre fazem 3-bet. Conforme descemos, estou falando de pares de seis e abaixo, 3-betamos cada vez menos. Com dois, só podemos dar calls. Estamos falando de 100bb; com stacks maiores, 3-bet com todos os pares.

Claro, eles realmente gostam de fazer 3-bet com mãos suited, especialmente da parte média da matriz, como 86s, T7s e até 75s. A ideia é que podemos foldar felizes para um 4-bet... não, não felizes, claro, ainda ficaremos tristes, mas pelo menos não vamos odiar a vida. Diferente de mãos como J9s, T9s: isso vai surpreender muitos, mas com elas, não fazemos 3-bet com frequência, mas damos call. Parece muito estranho não fazer 3-bet com uma mão forte como T9s jogando heads-up, mas o ponto aqui, como eu disse, é o risco de receber um 4-bet. Seremos dominados não apenas pelas mãos de valor do nosso oponente, mas até mesmo por seus bluffs como ATo, QJo. Portanto, nosso range de 3-bet deve ser ligeiramente polarizado.

O mesmo vale para mãos offsuit. Com KTo, QJo, QTo fazemos 3-bet muito, muito raramente. Mas AJo já é uma excelente mão para 3-bet. E quando descemos para o território de JTo, T9o também são boas mãos para 3-bet. Polarização novamente!

Em geral, como regra, nossos calls começam com as mãos mais fracas e terminam com algumas bastante fortes, e as 3-bet são colocadas em direções opostas, mas sempre com mãos que são jogáveis ​​pós-flop.

MB: Você acabou de descrever um range bastante interessante! Estou falando do cerne da porção de bluff de uma 3-bet – T7s, 86s, etc. Isso me lembra muito do range de 3-bet do big blind em um MTT com cerca de 50bb deep. É exatamente assim que deve ser jogado! O computador sempre vai dar call com T9s, J9s ou QJs porque receber um 4-bet com essas mãos será um desastre para nós. Mas não há problema em jogar de 3bet-fold com T7s.

Existe tal paralelo entre um cash game de 100bb e um MTT de 50bb? Me pergunto com o que isso está conectado.

DP: Bastante interessante mesmo. Tudo se resume a um princípio fundamental, aplicá-lo corretamente é uma das tarefas mais difíceis no poker: jogar o mais agressivamente possível, mas ao mesmo tempo sofrer o mínimo possível de contra-agressão com mãos boas, mas não muito fortes. Queremos pressionar o oponente com elas, mas não ultrapassar uma certa linha. Se você for muito longe, terá que sofrer, descartando uma mão muito boa antes do flop.

Claro, não devemos estar constantemente com medo da possibilidade de receber um raise do nosso oponente, porque então não seremos capazes de jogar agressivamente sem um monstro, mas ainda vale a pena ter isso em mente. Voltaremos a esse pensamento em cada street e também no pós-flop.

Confira as melhores promoções agora
₮6.000 em entradas para freerolls
Bônus de 100% no primeiro depósito até $600 e tíquetes gratuitos de Spins e MTT
Sem prazo
Bônus de primeiro depósito de 100% até ₮1.100
Sem prazo

MB: Parece muito lógico. Acho que este é um ótimo exemplo de como o trabalho em heads-up pode melhorar seu entendimento do poker em geral, esclarecendo as mecânicas do jogo e conceitos que são igualmente aplicáveis ​​a muitas variantes do poker.

Tenho certeza de que você teve epifanias semelhantes em torneios ou jogos de mesa cheia em cash.

DP: Claro. O exemplo mais comum é que, ao defender o big blind em torneios, devemos jogar um range muito amplo, especialmente contra mine-raises de late position. Acostumar-se a jogar um monte de mãos lixo contra steals ajuda muito nessas situações.

Quando passei para torneios de heads-up, tive a sorte de ter sucesso em quase todos os tipos de torneios que encontrei online. Os resultados não foram afetados nem mesmo pelo fato de eu transmitir meu jogo ou não. Acho que uma das principais razões pelas quais foi tão fácil para mim foi que eu selecionava com confiança mãos para bluffs, draws, defesa e call downs de uma gama muito ampla de candidatos. Acho que essa é uma das principais facetas da habilidade no poker em geral, e o heads-up ajuda a aprimorá-la.

MB: Ok, de qualquer forma, vamos voltar à defesa de big blind contra um raise! Deixe seu oponente aumentar 2.5bb. Como ajustar em stacks mais profundos que 100bb? Você já falou sobre reduzir o tamanho da 3-bet, o que mais?

DP: Especificamente no pré-flop, o tamanho da 3-bet deve diminuir à medida que a profundidade aumenta, mas o range também muda um pouco. Quase paramos de fazer 3-bet com mãos como , , . De vez em quando é possível, mas a principal ação com elas é dar call. Fazemos 3-bet muito menos frequência com , .

A regra geral é que nos afastamos de mãos offsuit com boa fold equity contra o range do nosso oponente, que muitas vezes acerta um top pair, em direção a mãos suited, ases suited com uma carta para o wheel, etc. Estamos interessados ​​em mãos jogáveis ​​com a capacidade de acertar o nuts e jogar um pote enorme. E o número total de mãos adequadas para 3-bet, como você pode imaginar, vai diminuindo. Em stacks profundos, fazemos 3-bet com menos frequência!

MB: Parece bem simples: as condições pioram para o jogador fora de posição, então ele coloca menos dinheiro no pote e faz isso um pouco menos frequentemente. Elementar!

DP: Quem diria, não é?

MB: Sim. Ok, aqui está minha última pergunta pré-flop. Nós aumentamos no botão e recebemos um 3-bet do big blind. Quais tipos de mãos devemos pagar e quais são melhores para 4-bet? Vamos começar com a profundidade padrão de 100bb.

DP: Teremos que jogar de forma bastante disciplinada, pois o tamanho da 3-bet em teoria deve ser grande, e o stack que podemos tirar do nosso oponente em caso de um bom bordo é limitado.

É engraçado, mas neste ponto da minha carreira eu quase nunca jogo com 100bb de profundidade. Quando comecei a jogar heads-up online, as coisas eram diferentes. Em geral, 100bb exige disciplina em primeiro lugar. Pequenos pares significam uma call muito confiante e feliz. Suited connectors também na maioria das vezes dão call. Esta é uma categoria interessante porque em stacks profundos mãos como 98s se tornam promissoras opções de 4-bet, mas sem profundidade, temos muito medo de foldá-las para um shove.

Então estamos mais do que felizes em dar call. Nossos principais blefes de 4-bet são broadways offsuit: ATo, KQo, QTo, JTo. K2s e K3s também são excelentes candidatos, assim como Q5s, Q6s. É interessante notar que AQo muitas vezes se infiltra em uma 4-bet fold, mas não me lembro exatamente, já em 100bb ou um pouco mais profundo. Preciso verificar as tabelas, afinal, não jogo com esses stacks há muito tempo.

O ponto aqui é que AQo é um blefe de valor misto. Dominamos o range que dá call na 4-bet, e temos blockers fortes que afetam a frequência de push do nosso oponente, e isso é suficiente.

De vez em quando, você pode adicionar A9o, A5o e mãos suited individuais à 4-bet na extremidade inferior do range de call.

MB: Talvez isso seja tudo que pode ser dito sobre o pré-flop ao jogar heads-up. Eu acrescentaria que muitas mãos são jogadas usando uma estratégia mista porque é muito importante manter o equilíbrio e acertar texturas diferentes aproximadamente igualmente.

Para o curso The End Boss System, Doug e Fabian prepararam muitas tabelas para diferentes profundidades de stack, com a ajuda delas você pode descobrir as perguntas que Doug não se lembrou para as respostas hoje.

Continua...